Palmeira fará parte de programa para melhorar as estradas rurais

Geral

Notícia publicada terça-feira 09 maio 2017

Palmeira fará parte de programa para melhorar as estradas rurais

Gostou, compartilhe

Na segunda-feira (8), o governador Beto Richa entregou nove conjuntos de máquinas que farão os serviços de adequação de estradas de 60 municípios atendidos pelo “Pró-Rural” – Programa de Desenvolvimento Econômico e Territorial: renda e cidadania no campo.

Os conjuntos de equipamentos custaram R$ 24 milhões e foram comprados com recursos do governo estadual. Oito consórcios intermunicipais, compostos pelos 60 municípios, farão a administração das máquinas. A meta é trabalhar 50 quilômetros de estradas por consórcio, por ano.
Readequação
Na entrega, na Codapar, em Curitiba, o governador explicou que a readequação das estradas dos municípios beneficiará os produtores no escoamento da safra. “Vamos dar condições aos produtores para ampliarem a produtividade e diminuírem os custos de produção, já que eles contribuem para o fortalecimento de nossa economia, amenizando os efeitos da gravíssima crise nacional”, afirmou Richa. A melhoria das estradas rurais também beneficia o transporte escolar e o acesso dos moradores da área agrícola aos serviços públicos e comércio ofertados na área urbana.
Máquinas
Cada conjunto de máquinas inclui equipamentos como escavadeira, retroescavadeira, trator de esteira, rolo compactador, motoniveladora, caminhão comboio e quatro caminhões basculantes. Com esse conjunto, será feito um trabalho que envolve obras de terraplanagem, drenagem, revestimento primário e logística.

Consórcios
Os consórcios farão a administração das máquinas. Cada um deles definirá os trechos de estradas a serem trabalhados, com referendo dos Conselhos Municipais e Colegiado Territorial. Palmeira faz parte do consórcio “Caminhos do Tibagi”  e mais as seguintes cidades: Curiúva, Figueira, Imbaú, Ortigueira, Reserva, Tamarana, Telêmaco Borba, Tibagi, Ventania e Rio Branco do Ivaí.

Fotos: Orlando Kissner/ANPr