P.A flagra pescadores com peixes e apreende petrechos proibidos no Rio Iguaçu

Policial

Notícia publicada segunda-feira 29 janeiro 2018

P.A flagra pescadores com peixes e apreende petrechos proibidos no Rio Iguaçu

Gostou, compartilhe

A equipe da Polícia Ambiental esteve no domingo (28) na localidade de Taquarussu em São João do Triunfo às 8 horas. Através de uma denúncia de pesca predatória, a equipe policial ambiental deslocou até a referida localidade, em São João do Triunfo, onde foram abordados dois homens de 40 e 47 anos de idade, em um rancho utilizado por pescadores, às margens do Rio Iguaçu. Os homens foram flagrados limpando vários peixes das seguintes espécies: corimbatá, cascudo, bagre, lambari, traíra e carpa, perfazendo um total de 17  quilogramas de pescado. Apesar de não ser encontrado material de pesca predatório foi dado voz de prisão aos envolvidos devido ao período de piracema. Ambos foram encaminhados à Delegacia da Polícia Civil de São Mateus do Sul para lavratura do flagrante.

O período da piracema está vigente até o dia 28 de fevereiro, e a pesca está proibida nos rios da região. No entanto materiais predatórios como redes, espinhéis, bóias loucas, covos são proibidos em todos os períodos e rios da região.

Pesca com petrechos proibidos

Às 9 horas, ainda no Rio Iguaçu entre a localidade de Taquarussu e Mato Queimado, a equipe policial localizou 32 metros de redes de pesca, de malhas 4 centímetros, 30 boias loucas e 20 metros de espinhéis, abandonados na margem do referido rio, não sendo possível a identificação dos responsáveis. Os materiais predatórios foram encaminhados ao Posto Policial Ambiental de Vila Velha onde foram destruídos e serão enviados para a reciclagem.