Jovem de 22 anos mata a facadas idoso de 70 anos por causa de dívida de um revólver

Policial

Notícia publicada quarta-feira 16 novembro 2016

Jovem de 22 anos mata a facadas idoso de 70 anos por causa de dívida de um revólver

Gostou, compartilhe

Um idoso de 70 anos de idade, identificado como Juvenil Pereira da Silva, foi morto na última segunda-feira (14), na localidade de Faxinal dos Quartins, interior do município de Palmeira, com cerca de 15 facadas.

A Polícia Militar foi acionada e quando chegou na casa, por volta das 20h30, em uma chácara na localidade, o homem de 70 anos já estava em óbito. Ele tinha cerca de 15 perfuraçõesno tórax abdômen e uma no pescoço,causadas pelas facadas recebidas, que ainda serão confirmadas em exame de necropsia pelo Instituto Médico Legal (IML) e Polícia Criminalística que compareceram para levantamento de local de morte e recolhimento do corpo.

A Polícia Miliar acabou fazendo a detenção de um rapaz de 22 anos que teria confessado o crime. Genilson Iachinski, falou que ele a vítima haviam ingerido juntos bebida alcoólica, e que os dois estavam bêbados.

Motivo

Genilson teria dito que matou a vítima por causa de uma dívida, por conta de um revólver calibre 38 que vendeu à vítima e que não tinha recebido. A arma que segundo ele tinha numeração raspada, foi comprado por ele em Curitiba há dois anos por R$ 6 mil, e vendido à vítima por R$ 5 mil e que não tinha recebido, por isso que matou o idoso.

Genilson, que é agricultor e morava com a mãe em Faxinal dos Silva, primeiro teria desferido um golpe no pescoço de Juvenil e após vários outros no tórax e abdômen da vítima. Em relação à arma de fogo, ele disse que não sabe onde está.

Preso pela PM, ele foi levado para 40ª Delegacia para as providências cabíveis. A Polícia Civil de Palmeira vai dar prosseguimento à investigação do crime.

O velório de Juvenil foi realizado na casa de seu genro em Queimadas e o sepultamento aconteceu às 8 horas desta manhã no cemitério da mesma localidade.