Número de mortes em rodovias estaduais teve redução durante feriado

Policial

Notícia publicada terça-feira 26 abril 2016

Número de mortes em rodovias estaduais teve redução durante feriado

Gostou, compartilhe

O Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) finalizou na segunda-feira (25) a Operação Tiradentes, que reforçou a segurança na malha rodoviária estadual durante o feriado. Em seis dias de ação, os policiais militares registraram 134 acidentes, 133 feridos, 2.040 autuações e nove mortes. O número de morte teve redução de 30,77% em comparação com o ano anterior.

“Este ano o fluxo de veículos foi menos intenso que no ano passado, porém percebemos que, mesmo com as ações de conscientização feitas pelo batalhão, alguns motoristas continuam sendo imprudentes”, disse porta-voz do BPRv, capitão Cristiano Carrijo Gonçalves Mota. “O número de mortes caiu, mas infelizmente o de acidentes aumentou. Ainda falta responsabilidade por parte dos motoristas.”

A Operação Tiradentes começou na quarta-feira (20). Todas as seis companhias da unidade participam das atividades, incluindo o efetivo administrativo. O BPRv intensificou as atividades nos mais de 12 mil km de rodovias estaduais e contaram com aparelhos etilômetricos (bafômetros) e radares móveis para as abordagens.

Números

Neste feriado, o BPRv registrou 134 acidentes, nove mortes, 133 feridos, quatro atropelamentos, 1.239 testes de bafômetro, cinco autuações pelo artigo 165 (infração de trânsito), três pelo artigo 360 (crime de trânsito), além de reter 73 veículos por alguma irregularidade, emitir 2.040 autuações e produzir 4.780 imagens de radar (excesso de velocidade).

Em 2015, foram 120 acidentes, 13 mortes, 109 feridos, um atropelamento, 1.504 testes de etilométricos, 17 autuações por infração de trânsito, dez por crime de trânsito, além de 101 veículos retidos por alguma irregularidade, 1.677 autuações no geral e 5.052 imagens de radar (excesso de velocidade).

Um comparativo entre os dois períodos aponta que houve redução de 30,77% no número de mortes; 17,62% no número de testes de etilométricos; 70,59% nas autuações por infração de trânsito e 70% por crime de trânsito. As imagens de radar caíram 5,38% e o número de veículos retidos 27,72%.

O sábado (23) foi o dia com maior número de acidentes (37), mortes (4) e feridos (44). A sexta-feira (22) foi o dia com maior número de atropelamentos (2). Na quinta-feira (21) houve mais autuações (445) e no domingo (24) foi registrado um maior número de imagens de radar (1.412).