Vereadores Gaiola e Denis Sanson divergem sobre o IPTU 2018 durante sessão ordinária

Polí­tica

Notícia publicada sábado 24 fevereiro 2018

Vereadores Gaiola e Denis Sanson divergem sobre o IPTU 2018 durante sessão ordinária

Gostou, compartilhe

Com a presença de todos os vereadores, foi realizada na terça-feira (20) na Câmara Municipal, a terceira Sessão Ordinária de 2018. No Expediente da sessão foram apresentados 1 Requerimento, 1 Indicação, 9 Projetos de Lei e 1 Anteprojeto. Os vereadores que fizeram uso da tribuna para pronunciamento sobre o IPTU foram João Alberto (Gaiola) e Denis Sanson. Gaiola defendeu o IPTU e comentou que ocorreu uma baixa nos valores cobrados nesse ano, já Denis foi contrário e comentou que um morador mora em um bairro distante do centro e que não tem asfalto e protocolou um requerimento junto a Secretaria de Finanças. “Eu pedi a revisão da alíquota do IPTU de 2017, pois o de 2018 apresenta um aumento de 30 %, passando de R$ 572,40 para R$ 752,43 e isso é inaceitável. Hoje não tem mais essa despesa do correios e do carnê. A população de Palmeira merece saber o que acontece na Câmara. Conversei com bastantes pessoas que vão pagar mais caro o IPTU. Eu vou continuar contando tudo que acontece no Legislativo, fui eleito para representar o povo de Palmeira”, finalizou.

Ordem do Dia

Em 2ª discussão foram aprovados os Projetos de Lei 4878, 4957, 4959, 4960, 4961, 4962, 4963, 4964, 4965, 4966, 4967, 4968, 4969 e 4970. Já em 1ª discussão foi aprovado o Projeto de Lei 4971 que autoriza a abertura de crédito adicional especial no Orçamento Geral do Município, no valor de R$ 13.866,15, na Secretaria Municipal de Assistência Social.

A próxima sessão ordinária acontece na próxima terça-feira (27), no horário regimental de 19 horas.